Otaku: veja o que é, significado, definição e conceito

Otaku é uma expressão japonesa usada no ocidente para denominar os fãs de animes e mangás – que são desenhos animados e quadrinhos japoneses – como também da cultura pop do Japão em geral. 

O otaku no Japão tem uma conotação diferente: é usado como sinônimo de pessoas que são obcecadas por quaisquer assuntos, como programas de TV, filmes, jogos, entre muitos outros.

O otaku tem uma imagem negativa no Japão, já que está ligado a indivíduos que ficam isolados socialmente, tendo uma vida toda dedicada apenas ao seu “hobby”, e que nunca saem de casa. Inclusive é considerado um termo pejorativo na língua japonesa.

Origem de otaku

Inicialmente, o termo otaku era usado como um tratamento formal para designar lar, casa ou até mesmo família. A palavra vem de “taku”, que tem o significado de “casa”, em japonês.

No entanto, ao passar dos anos, o termo otaku começou a ser empregado às pessoas que ficam muito tempo dentro de casa, assistindo a animes, jogando videogames ou navegando na internet, ou seja, pessoas que não possuem interação social.

Mudança no significado na chegada ao ocidente

Através do filme “Otaku no Vídeo”, lançado pelo estúdio Gainax em 1991, o termo chegou ao Ocidente.

A película tem cenas de anime que retratam a vida de japoneses fanáticos por essas animações, culminando numa visão também do uso pejorativo do termo otaku no Ocidente. Mas a medida em que houve uma popularização do anime ao redor do planeta, além da cultura pop japonesa, houve também uma ressignificação de seu uso.

Por isso, hoje em dia, otaku não é mais associado a um termo pejorativo nos países ocidentais, e é usado para designar, em especial, os fãs de anime e mangás. 

O feminino de otaku

O feminino de otaku, no ocidente, é otome, ou seja, é usado para chamar meninas e mulheres que são fãs de anime e mangás japoneses. Apesar do surgimento desse termo, otaku é considerada uma palavra agênero, podendo ser usada também para masculino e para o feminino.

No entanto, no Japão, otome tem um significado muito diferente do usado pelo Ocidente. Sua tradução pode ser como donzela ou senhorita. 

Encontros de otakus

Ocorrem em todo mundo eventos que reúnem fãs de animes, mangás e outros assuntos ligados à cultura pop do Japão. Esses acontecimentos sempre têm apresentações com pessoas fantasiadas de personagens – conhecido como cosplay, com atrações famosas como bandas que cantam músicas de animes e dubladores das animações, além de muitas outras atividades relacionadas. 

Muitas marcas ligadas à área e com interesse no público “otaku” também participam, vendendo action figures (miniaturas de personagens), roupas, mangás, entre muitos objetos.  

E você, o que considerou mais curioso sobre o okatu? Deixe nos comentários abaixo!!!